Traficante do Rio ligado a cartel boliviano de drogas é preso em SP

A Divisão de Capturas da Polinter do Rio investigava 'Paulistinha' desde o início do ano

Ricardo Valota, O Estado de S.Paulo,

25 Julho 2012 | 04h34

SÃO PAULO - Agentes da Divisão de Capturas da Polinter (Polícia Interestadual) do Rio, após seis meses de investigações, prenderam, nesta terça-feira, 24, em São Paulo, o traficante André Luiz Barreto de Freitas, conhecido como "Paulistinha", de 27 anos, que, segundo a Polícia Civil fluminense, é "um dos principais fornecedores de cocaína de uma facção criminosa que atua no Estado".

 

Contra André Luiz havia um mandado de prisão preventiva por tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico expedido pela justiça. Os agentes da Polinter informaram que André tem ligações com um dos mais importantes cartéis de drogas da Bolívia e que a cocaína vinda do país vizinho tem quase 100% de pureza. Durante as investigações, os policiais apuraram que "Paulistinha" vendia cerca de 200 quilos de cocaína por mês, o que rendia um faturamento mensal de aproximadamente R$ 2 milhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.