Traficantes espancam dois jovens em favela do Rio

Dois jovens foram espancados na madrugada desta segunda-feira por pelo menos dez criminosos, na Favela Parque União, que faz parte do Complexo da Maré, na zona norte do Rio. Ana Paula da Silva de Andrade, de 22 anos, e Fabio Rodrigues dos Santos, de 23 anos, foram levados para o Hospital Paulino Werneck, na Ilha do Governador, zona norte, e não correm risco de vida. Ao chegar ao hospital, Santos teria dito que os traficantes estavam desconfiados de que Ana Paula, sua namorada, era "amiga" de um policial militar que trabalhava na favela.Segundo o rapaz, os dois estavam em uma festa da comunidade, quando um grupo de criminosos quis saber porque Ana Paula estava conversando com o PM na porta de entrada do evento. Para se vingar do casal, os agressores levaram os dois até um terreno baldio e os espancaram com pedaços de pau. A polícia informou que não houve registro do caso na delegacia, mas confirmou que a agressão ocorreu.De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os dois sofreram várias escoriações pelo corpo e apresentavam hematomas nos pés, nas mãos, nos braços e no rosto. Os médicos analisavam a possibilidade de operar o tornozelo de Silva, que foi fraturado.Veja o especial:

Agencia Estado,

28 de abril de 2003 | 20h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.