Traficantes obrigam lixeiros a transportar corpos de favela

Traficantes de drogas do Morro dos Prazeres, em Santa Tereza, no centro do Rio, obrigaram funcionários da Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) a transportar corpos para fora da favela na tarde deste sábado, 14. Os funcionários estavam em um caminhão da companhia, que recolhia o lixo no morro, às 15 horas, quando foram abordados pelos bandidos. Sob ameaça, eles tiveram de colocar os corpos de um homem e de duas mulheres no compactador de detritos do veículo. Em seguida, os funcionários se dirigiram à 7.ª Delegacia de Polícia (Santa Tereza) para comunicar o fato. Lá, os corpos foram retirados do caminhão para serem levados para o Instituto médico-legal. Os nomes das vítimas não foram divulgados. Até o início da noite a polícia não tinha localizado os criminosos.

Agencia Estado,

14 Abril 2007 | 19h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.