Tráfico de drogas internacional é investigado em Pernambuco e Mato Grosso

PF realiza operação com objetivo de cumprir seis mandatos de prisão e 14 de busca e apreensão

Gheisa Lessa - Central de Notícias,

30 Maio 2012 | 12h07

São Paulo, 30 - Cerca de 70 agentes da Polícia Federal (PF) realizam operação, nesta quarta-feira, 30, nos estados de Pernambuco e Mato Grosso com o objetivo de cumprir seis mandatos de prisão e 14 mandatos de busca e apreensão. A Operação Orador combate o tráfico de drogas internacional.

As investigações da Polícia Federal concluíram que um grupo realiza tráfico de drogas vindas da Bolívia e distribuídas pelos estados do Nordeste do Brasil. O grupo investigado, segundo dados da PF, realiza lavagem de dinheiro com os lucros da venda das substâncias ilícitas.

São, no total, 14 mandados de busca e apreensão, sendo três cumpridos no Mato Grosso e o restante em Pernambuco. Há mais seis mandatos de prisão preventiva, sendo dois para o Estado do Mato Grosso, além de doze mandados de condução coercitiva para o Estado do Pernambuco.

A Operação Orador teve início em novembro de 2010 e revela que a droga vem da Bolívia para o Brasil transportada em fundos falsos de veículos que são, em alguns casos, camuflados com marcas de empresas frigoríficas famosas, afirma a PF.

A Polícia Federal afirma ainda que as investigações são ampliadas para que o combate às organizações criminosas não se limite apenas a remover a liberdade de seus coordenadores, mas que restrinja que os chefes dos grupos não consigam administrar o tráfico de dentro das penitenciárias.

Mais conteúdo sobre:
tráfico de drogasPEMT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.