AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Transferência entre aeroportos mineiros é adiada

A transferência de vôos do Aeroporto da Pampulha para o Tancredo Neves (Confins), na região metropolitana de Belo Horizonte, foi adiada para março de 2005. A mudança estava prevista para entrar em vigor em dezembro deste ano por determinação da Infraero e do Departamento de Aviação Civil (DAC). Nesta terça-feira, porém, o prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel (PT), encaminhou uma correspondência ao governador de Minas, Aécio Neves (PSDB), pedindo apoio à proposta de prorrogação da transferência.Pimentel argumentou que ainda são necessárias diversas adequações emergenciais nas vias de acesso a Confins para comportar o aumento do fluxo de tráfego. Segundo o ofício encaminhado pelo prefeito, o número de vôos entre os meses de dezembro e janeiro é maior em função das férias escolares, e não seria conveniente efetuar a alteração neste período.Na terça, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Wilson Brumer, confirmou que o pedido de transferência foi acatado tanto pela Infraero quanto pelo DAC e a mudança passará a vigorar no dia 1º de março.Inaugurado em 1983, o Aeroporto de Confins opera atualmente com um alto índice de ociosidade. A principal dificuldade é a distância de cerca de 40 quilômetros em relação ao centro de Belo Horizonte. O terminal possui uma capacidade para a circulação de 5 milhões de passageiros por ano. Entretanto, em 2004 a movimentação chegou a apenas 364 mil passageiros. Em virtude da transferência, a expectativa é de que passarão a circular por Confins cerca de três milhões, que atualmente utilizam os vôos operados na Pampulha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.