Trânsito em SP é quase o dobro da média para o horário

O trânsito na capital paulista estava carregado no início de noite desta quarta. O índice de lentidão, por volta das 19h30, era de 121 quilômetros - quase o dobro da média para o horário, que é de 73 km. A situação mais crítica estava no corredor norte-sul, formado pelas avenidas Rubem Berta, 23 de Maio e Moreira Guimarães,sentido do Aeroporto de Congonhas, da Praça da Bandeira até o Viaduto João Julião da Costa Aguiar, com 8,7 km de congestionamento. O tráfego carregado é reflexo das obras de construção da passagem subterrânea que ligará a Avenida Washington Luís ao Aeroporto. Essas obras terão duração de 12 meses.Na Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, pista expressa, da Ponte Freguesia do Ó até a Rua Azurita, o tráfego também estava, com 7,6 km de lentidão. Já na Marginal Pinheiros, sentido Castelo Branco, pista expressa, da Avenida Águas Espraiada até a Ponte Cidade Universitária, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informa que o congestionamento atinge 5 km. O trânsito lento na região é reflexo do desmoronamento das obras da Estação Pinheiros do Metrô, da Linha 4-Amarela. Na Avenida dos Bandeirantes, sentido Imigrantes, da Marginal Pinheiros até a Rua João Carlos Mallet, é verificado 4,9 km de lentidão.

Agencia Estado,

17 de janeiro de 2007 | 19h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.