Trem descarrila no extremo sul da capital paulista

Segundo os bombeiros, não há registro de vítimas; pelo menos 10 vagões saíram da via férrea

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

01 de julho de 2011 | 02h39

SÃO PAULO - Pelo menos 11 de um total de 76 vagões de uma composição América Latina Logística (ALL) descarrilaram, por volta da 1 hora da madrugada desta sexta-feira, 1°, num trecho da linha férrea que liga o Porto de Santos ao interior paulista, na Estrada Engenheiro Marsilac, nas proximidades do pátio da represa Billings, no extremo sul da capital paulista.

 

Nove equipes dos bombeiros foram encaminhadas para o local, mas, às 5 horas, apenas uma ainda permanecia na região. Segundo os bombeiros, não houve vítimas. Parte da carga de soja e milho contida nos vagões se espalhou ao lado da linha. Alguns vagões foram parar próximo a residências existentes no entorno. O seguia para o Porto de Santos.

 

Segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa da ALL, com o acidente, um dos vagões caiu em um rio. Equipes de manutenção de via, que também pertence à ALL, estão no local para realizar a liberação do trecho, o que deve não deve ocorrer antes das 14h30. Cerca de 20 vagões já foram liberados e seguem viagem. A concessionária informa ainda que, a princípio, não houve danos ambientais.

 

Atualizada às 6h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.