Divulgação
Divulgação

Tremor de terra danifica casas no interior do Ceará

Abalo, de 2,5 graus na escala Richter, foi medido pelo Laboratório Sismológico do Nordeste, da Federal do Rio Grande do Norte

Carmen Pompeu, Especial para O Estado

16 de abril de 2015 | 19h52

FORTALEZA  - A terra tremeu 2,5 graus na escala Richter em Quixeramobim, no Ceará. A confirmação é do Laboratório Sismológico do Nordeste, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. O tremor aconteceu nesta quarta-feira, 15, e foi sentido na zona rural de Quixeramobim.

A Defesa Civil da cidade registrou apenas danos materiais. Os moradores procuraram a Defesa Civil para relatar problemas em suas casas, como rachaduras. O terremoto foi anotado pela estação de Pedra Branca, cidade próxima a Quixeramobim. Não há registros de tremores de terra anteriores na região.


O terremoto foi mais sentido nas comunidades de Coque, Belém, Guarujá, Riacho da Roça e Poço da Pedra. Uma ouvinte da Rádio Campo Maior AM de Quixeramobim ligou para emissora comunicando o tremor: "Eu senti um tremor. Uma pancada. Parecia um choque. Era um tremor como se fosse vindo de longe. Eu estava na cozinha quando percebi", relatou a ouvinte Ana Maria Silva.

Mais conteúdo sobre:
CearáQuixeramobim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.