MARLON COSTA/FUTURA PRESS
MARLON COSTA/FUTURA PRESS

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Trens se chocam no Recife e deixam pelo menos 60 passageiros feridos

Acidente paralisou linha do metrô na capital pernambucana, que ainda não tem previsão de retomar funcionamento

Vinicius Brito, Especial para o Estado

18 de fevereiro de 2020 | 11h42

RECIFE – Dois trens do Metrô do Recife (Metrorec) se chocaram às 5h40 desta terça-feira, 18, na Estação Ipiranga, em linha que liga o Centro a cidades da Região Metropolitana. O acidente deixou pelo menos 60 passageiros feridos, que foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhados para unidades de saúde próximas ao local.

Um trem estava parado na plataforma quando o outro comboio entrou em colisão ao chegar à estação, de acordo com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). O acidente paralisou a Linha Centro do Metrorec nesta manhã e ainda não há previsão sobre o retorno de funcionamento dessa rede.

A Companhia afirma que o trem chegou com velocidade reduzida à plataforma, sem causar grande estrago à cabine do outro trem atingido. "Não houve nenhuma vítima fatal. A gente está com grupo de gerenciamento de crise, que vai fazer a análise. Em 35 anos de metrô, nunca aconteceu nenhum acidente desse tipo", afirmou o assessor de imprensa do Metrorec, Salvino Gomes.

Além da sindicância interna do Metrorec, que tem 30 dias para concluir a perícia sobre as causas do acidente, o Instituto de Criminalística de Pernambuco também investiga a situação e deve analisar as imagens de câmeras de segurança que registraram o momento.

A Secretaria de Saúde do Recife informou que, além das vítimas socorridas pelo Samu, outras quatro pessoas com traumas leves se apresentaram espontaneamente à Policlínica Agamenon Magalhães, em Afogados, e já receberam alta médica. Os demais socorridos foram encaminhados para unidades do Estado e clínicas particulares. Os nomes dos passageiros não foram revelados.

Já a Secretaria de Saúde do Estado do Pernambuco informou que 41 pacientes, levados às Unidades de Pronto Atendimento da Imbiribeira, Caxangá, Curado e Ibura e ao Hospital da Restauração, foram examinados e já receberam alta. Até o momento, outros feridos com idades entre 18 e 60 anos estão em estado de observação em clínicas da capital, mas a saúde de todos é estável, segundo o órgão.

O Corpo de Bombeiros não divulgou a quantidade de passageiros socorridos na operação e a assessoria do Metrorec afirma que está acompanhando as famílias das vítimas para saber o que aconteceu durante a colisão.

Com 37 estações, o Metrorec faz 55 viagens entre o Recife, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e o Cabo de Santo Agostinho. A Linha Centro, que foi impactada nesta manhã, transporta cerca de 240 mil passageiros diariamente. Devido ao acidente, o Grande Recife Consórcio de Transporte reforçou o número de linhas de ônibus e BRT em circulação na capital recifense.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.