Três jovens que roubavam em rodovias são detidos

Três integrantes da "gangue da pedra" foram presos, no domingo à noite, após roubar um casal que voltava do Rio com os dois filhos, de 7 meses e 3 anos. O Estado revelou no sábado como agem as quadrilhas nas Rodovias Ayrton Senna, Dutra e Fernão Dias, nas proximidades da Marginal do Tietê. Os bandidos colocam paralelepípedos na pista para furar os pneus e assaltam os motoristas que param. Segundo as vítimas, o grupo era formado por cinco pessoas. Foram detidos: Márcio Tobias, de 18 anos, e dois garotos de 16. Outros dois não foram localizados. Parte dos objetos foi recuperada. Eram 21h30 quando a família - que pediu para não ter a identidade revelada - se aproximava da junção da Rodovia Ayrton Senna com a Marginal do Tietê - um dos locais apontados pela reportagem. Quando pedras estouraram um dos pneus da Toyota Fielder, o motorista parou e foi cercado pela quadrilha, que exigiu carteiras, celulares e relógios. Os bandidos levaram até malas.Motoristas que passaram logo depois acionaram policiais, que localizaram três suspeitos andando em fila na Avenida Gabriela Ministral, na Penha. "Mantinham distância de 10 metros, para não chamar atenção", disse o sargento Francisco Alexandre Filho. Tobias e os adolescentes ainda estavam com os objetos roubados. Levados ao 10º DP, na Penha, foram reconhecidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.