TRF suspende 6 liminares contra MP das bebidas alcoólicas

Liminares autorizavm a venda de bebidas alcoólicas no comércio da BR-304, no Rio Grande do Norte

Paulo R. Zulino, do estadao.com.br,

27 de fevereiro de 2008 | 14h48

A Procuradoria Regional da União (PRU) da 5ª Região, em Recife, conseguiu na terça-feira, 26, no Tribunal Regional Federal (TRF), suspender mais seis liminares que autorizavam a venda de bebidas alcoólicas por estabelecimentos comerciais em um trecho da BR-304, que atravessa o Estado do Rio Grande do Norte, no município de Mossoró.   A PRU já havia conseguido suspender, no início do mês, uma liminar que autorizava a venda de bebidas alcoólicas em um estabelecimento localizado na BR-232, em Caruaru, Pernambuco.   As liminares cassadas foram concedidas em seis ações conjuntas movidas por comerciantes e beneficiava diversos estabelecimentos.   As decisões cancelavam os efeitos da Medida Provisória (MP) 415/08, que proíbe a venda de bebidas alcoólicas à beira das estradas federais, bem como desobrigava os vendedores de fixar avisos sobre a proibição contida na MP.   Nos pedidos de suspensão apresentados ao TRF, a Procuradoria sustentou que as liminares poderiam causar grave lesão à segurança e à saúde. Também destacou que a MP não é providência isolada para reduzir o número de acidentes e sua eficácia já foi comprovada, com a redução em 12% no número de acidentes durante o carnaval.

Tudo o que sabemos sobre:
bebidasMProdoviasJustiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.