Tribunal pede reforço na segurança de juízes do interior de SP

O presidente do Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo, desembargador Sérgio Augusto Nigro Conceição, pediu à Secretaria da Segurança Pública de São Paulo reforço na segurança dos fóruns e dos juízes da região de Presidente Prudente. O motivo é a volta do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, para o presídio de segurança máxima de Presidente Bernardes.Nigro Conceição disse ainda que o Judiciário está preparado para ficar com Fernandinho Beira-Mar até o término da construção do presídio federal, em Brasília. Enquanto isso, toda vez que for necessário interrogar o traficante, a Justiça paulista usará o sistema de videoconferência. "Ele não sairá do presídio para nada", disse.As visitas de advogados e parentes terão de ser autorizadas pelo juiz-corregedor de presídios da capital, o que deve dificultar - por causa da distância - ainda mais a vida do traficante na prisão.Veja o especial:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.