Trio assalta joalheria em shopping de SP

Um homem carregando um estojo para violão e acompanhado por dois outros assaltou, por volta das 21h30 de ontem, a joalheria Samira Jóias, instalada dentro do Shopping Metrô Tatuapé, na zona leste de São Paulo. Dentro do estojo, o homem escondia um fuzil AR-15, usado para dominar o segurança Luiz Cláudio da Silva e as funcionárias da loja. As funcionárias foram obrigadas a colocar o maior número possível de jóias em sacolas, que foram levadas pelos bandidos. Na fuga, pela Rua Domingos Agostin, junto à estação Tatuapé do Metrô, outro segurança tentou interceptá-los e foi recebido com tiros. Conseguiu escapar, mas balas perdidas acertaram o braço do morador de rua José Veloso de Carvalho, de 66 anos, e de raspão a perna de Liliam Simoni Leite Martins, 30, que estava em um ponto de ônibus. Os três assaltantes fugiram em um Santana prata roubado e depois abandonaram o carro em uma rua perto do local. Eles estavam sendo esperados por outros assaltantes e segundo testemunhas, fugiram em um Gol e uma camionete Ranger. Ainda não foi apurado o valor total desse roubo. Os dois feridos foram levados ao pronto-socorro do Tatuapé e já foram medicados e liberados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.