Trio é detido com R$ 27 mil em dinheiro falso na zona leste

Estelionatários afirmaram que as notas foram adquiridas no Paraguai

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

21 de maio de 2010 | 04h22

SÃO PAULO - Quase R$ 27 mil em notas de R$ 50 e R$ 100 falsas foram apreendidos, na tarde desta quinta-feira, 20, pela Polícia Civil, na residência de três camelôs, em Ermelino Matarazzo, na zona leste de São Paulo.

O trio, que trabalha na Lapa, zona oeste, afirmou que adquiria o dinheiro falso com um camelô em Ciudad del Este, no Paraguai, e que com uma nota verdadeira era possível comprar 10. As notas apreendidas com os camelôs possuem marca d'água e a fita de segurança, apenas a cor, um pouco mais escura, as diferenciam das verdadeiras.

Os estelionatários afirmaram também que traziam o falso dinheiro junto com a mercadoria transportada nos ônibus fretados e que, para diminuir o risco de serem descobertos, distribuíam as cédulas principalmente em eventos com grande aglomeração de pessoas. A polícia agora vai tentar localizar o camelô responsável por vender as notas.

Tudo o que sabemos sobre:
dinheiro falso, estelionato, Paraguai

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.