TSE dá a Serra resposta em horário eleitoral

O candidato José Serra (PSDB) conseguiu ontem no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) direito de resposta no horário de Dilma Rousseff (PT). Os ministros acolheram os argumentos do tucano, que contesta as informações divulgadas na campanha petista de que teria sido um dos responsáveis pela privatização da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e que 31 estatais teriam sido privatizadas em São Paulo.

, O Estado de S.Paulo

20 Outubro 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.