TSE notifica Thomaz Bastos e Berzoini

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, e o presidente nacional do PT, Ricardo Berzoini, foram notificados nesta terça-feira, 26, sobre a abertura da investigação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para apurar se eles tiveram envolvimento com o dossiê Vedoin.Um dia antes, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva fora notificado. A investigação foi aberta a pedido da coligação Por um Brasil Decente, integrada pelo PSDB e pelo PFL, que apóia a candidatura do tucano Geraldo Alckmin ao Palácio do Planalto.Os investigados têm um prazo de cinco dias para apresentar uma defesa prévia. Além de Lula, Thomaz Bastos e Berzoini, serão investigados o ex-assessor da Presidência Freud Godoy, o empresário Valdebran Padilha e o advogado Gedimar Passos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.