TSE rejeita representação do PHS contra Heloísa Helena

O ministro Marcelo Ribeiro, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), não aceitou a representação do Partido Humanista da Solidariedade (PHS) contra a senadora e candidata à Presidência da República pelo PSOL, Heloísa Helena.Na ação, o PHS contestou afirmação feita pela senadora Heloísa Helena em debate promovido pela TV Bandeirantes, no último dia 14 de agosto. Durante o programa, ela teria declarado ser a primeira mulher brasileira a se candidatar ao cargo de presidente da República.O PHS lembrou que, em 1989, a aposentada Lívia Maria Ledo Pio de Abreu, filiada ao partido, foi a primeira mulher a entrar na disputa presidencial no Brasil.O PHS pediu, então, direito de resposta à TV Bandeirantes e retratação por parte da candidata Heloísa Helena. No entanto, o pedido da agremiação foi feito fora do prazo, não sendo aceito pelo ministro relator, Marcelo Ribeiro. O ministro afirmou que o prazo para o ajuizamento da representação venceu no dia 16 de agosto, sendo que a ação foi protocolada no dia 18 de agosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.