Tucano leva a quarta multa por campanha irregular

O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, foi multado ontem pela quarta vez pelo Tribunal Superior Eleitoral. O ministro Henrique Neves concluiu que duas inserções veiculadas pelo PSDB em junho no Rio Grande do Sul, que deveriam conter propaganda partidária, na realidade serviram para promover antes do permitido a candidatura de Serra.

Mariângela Gallucci, O Estado de S.Paulo

28 de julho de 2010 | 00h00

Para punir o candidato e o partido, Henrique Neves decidiu impor as multas de R$ 10 mil a Serra e de R$ 15 mil ao diretório gaúcho do PSDB.

Com a punição de ontem, Serra soma até agora R$ 25 mil em multas. A candidata do PT, Dilma Rousseff, já foi multada sete vezes, num total de R$ 33 mil.

Em sua decisão, o ministro citou trechos das inserções veiculadas no Rio Grande do Sul. Em sua avaliação, ao abordar o Bolsa-Família, Serra havia feito uma "verdadeira promessa de campanha".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.