Túnel perto do Carandiru era para fuga

A Polícia Militar encontrou a entrada deum túnel que estava sendo escavado para permitir a fugade presos da Penitenciária do Estado, no Complexo Penitenciáriodo Carandiru, na zona norte da capital paulista.A descoberta ocorreu durante revista feita pela polícia emcasas da Rua Major Sampaio, travessa da Avenida Ataliba Leonel,onde nesta quinta-feira uma cratera se abriu no meio da rua.A Secretaria da Administração Penitenciária informou,inicialmente, que o buraco havia sido conseqüência dodesmoronamento de uma galeria pluvial. Agora, revela que agaleria pode ter ruído por causa do túnel.Ainda de acordo com a secretaria, o buraco estava abandonadohavia algum tempo, e o imóvel onde o túnel começou a ser escavadofoi alugado pela proprietária no ano passado, mas os inquilinoso abandonaram em novembro, sem pagar aluguel ou entregar aschaves.PMs entraram na casa e encontraram a entrada do túnel, luvas,ferramentas para a escavação e lanternas. Segundo a polícia, osbandidos haviam cavado cerca de 30 metros na direção do presídio, mas desistiram de continuar por motivo ainda desconhecido.Cerca de 500 policiais militares do 3º Batalhãorealizaram nesta sexta bloqueios em 20 pontos da zona sul de São Paulo, incluindo osbairros do Jabaquara e do Sacomã, entre outros.A operaçãocomeçou às 16 e terminou às 19 horas. Além de buscar armas edrogas, a ação serviu de exercício prático para 280 alunas da PM que estão prestes a se formar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.