Turista alemão é assassinado no Rio de Janeiro

O turista alemão Harbert Freyberger, de 50 anos, foi assassinado com um tiro na cabeça, depois de reagir a um assalto na Estrada das Paineiras, na zona sul. Freyberger estava acompanhado do amigo Dehel Bacher Reinhold, de 47 anos, que nada sofreu. Segundo o delegado Ricardo Andreiolo, da Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat), Reinhold contou que pretendiam fazer uma trilha até o Cristo Redentor, quando foram abordados por um homem armado. O criminoso pediu a mochila de Freyberger, que não quis entregá-la. A polícia informou que na mochila roubada só havia roupas. O bandido fugiu.O turista chegou ao Hospital Silvestre, no Cosme Velho, zona sul, às 12h40, em estado grave. De acordo com o boletim médico divulgado à tarde, Freyberger teria que ser submetido a uma cirurgia neurológica "com urgência", porém, apresentou parada cardíaca "irreversível, vindo a falecer às 14h15". O documento, assinado pelo diretor-clínico do hospital, Rogério Gusmão, informa que a operação nem chegou a ser realizada.De acordo com a polícia, os turistas, que são engenheiros e estão de férias, chegaram ao Rio no domingo e pretendiam seguir hoje para o Chile.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.