Turista alemão é morto em assalto na Bahia

O empresário alemão Wolfgang Fischer, de 56 anos, foi morto com tiro no abdome por dois assaltantes quando filmava a praia próximo ao condomínio Villas do Atlântico, litoral norte de Salvador, onde estava hospedado junto com a nora e uma neta. Fischer passou o carnaval em Salvador e decidiu registrar as últimas cenas da cidade pouco antes de voltar para a Alemanha, no final da tarde de ontem, quando foi abordado pelos bandidos.A dupla circulava numa bicicleta e se dirigiu ao turista ao perceber que ele portava a filmadora. Como não quis entregar o equipamento, foi baleado à queima-roupa pelos ladrões, que fugiram em seguida, pois o disparo chamou a atenção de um grupo de rapazes que jogava bola na areia e um barraqueiro. Fischer chegou a ser levado para o Hospital Geral do Estado, mas não resistiu.Na Delegacia de Proteção ao Turista, a nora do empresário, a baiana Dinalva Fischer, contou que passou o carnaval em Salvador com o marido, filho do empresário, que já retornou à Alemanha. Wolfgang Fischer gostou tanto na Bahia que decidiu ficar mais algumas dias com Dinalva e a neta. O corpo dele deve ser transladado para a Alemanha amanhã. Segundo a delegada Lindaiá Mustafa, que apura o caso, as testemunhas estão ajudando a polícia a fazer retratos-falados dos assassinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.