Turista paulista é assassinada em pousada em Ilhéus (BA)

Bandidos invadiram o quarto onde estava Maria Cecília de Abreu, de 58 anos, e efetuaram três disparos

Tiago Décimo, Agência Estado

26 Abril 2012 | 17h04

SALVADOR - Uma turista natural de Angatuba, no Estado de São Paulo, foi assassinada na manhã desta quinta-feira, 26, no hotel Village Back Door, de Ilhéus, litoral sul da Bahia.

De acordo com a Delegacia de Proteção ao Turista de Ilhéus, que investiga o caso, dois homens armados invadiram o estabelecimento, pouco antes das 7 horas, renderam os recepcionistas e arrombaram dois quartos.

Depois de entrar no primeiro, que estava vazio, os homens entraram no apartamento em que estava a vítima, Maria Cecília de Abreu, de 58 anos, com uma amiga, Sandra Regina da Silva. Elas haviam chegado ao local no sábado e ficariam por uma semana. Maria Cecília levou três tiros e morreu no local. A amiga não ficou ferida.

Os criminosos fugiram, levando pertences encontrados nos quartos, com a ajuda de outros dois homens, que aguardavam em um carro vermelho do lado de fora do estabelecimento. A polícia faz buscas pela região para tentar localizar suspeitos do crime.

Os investigadores trabalham com a hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte) para o crime, mas não descartam a possibilidade de que tenha havido outras motivações para o homicídio.

Mais conteúdo sobre:
turista Ilhéus Bahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.