Ultraleve cai e dois morrem no interior do Rio Grande do Sul

Testemunhas disseram que piloto tentava arremeter no momento do acidente; outra aeronave caiu no Rio

Evandro Fadel, O Estado de S.Paulo

04 de abril de 2009 | 20h09

A queda de um ultraleve matou dois aviadores neste sábado, 4, em Erechim, no norte do Rio Grande do Sul. Eles estavam a bordo de um modelo Pelican que caiu numa lavoura próxima a uma cabeceira da pista do Aeroporto Comandante Kramer. Testemunhas disseram que o acidente ocorreu quando o piloto estava tentando arremeter depois de desistir de um pouso. A aeronave caiu de bico no solo e virou, ficando com as rodas para cima.

 

As vítimas morreram na hora e foram identificadas como Nicolau Coelho Filho e Marco Aurélio Ribeiro. Ambos eram pilotos e viajavam de Florianópolis a Erechim para participar de um encontro de pilotos e aeronaves na cidade gaúcha. Até o final da tarde ainda não se sabia quem estava no comando do ultraleve e as causas do acidente.

 

Rio

 

Um ultraleve também caiu às 17h45 deste sábado no meio da Rua Santa Eugênia, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o piloto saiu andando da aeronave e foi ao hospital por meios próprios. O ultraleve atingiu o terraço de uma residência e dois veículos, mas não houve mais feridos.

 

 

(Com Daniela do Canto, do estadao.com.br)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.