Um furo no plano antivazamento

O que era para ser um "media training" para debater, entre outras coisas, vazamentos de dados, acabou vazando para toda a imprensa. A Secretaria de Comunicação da Receita Federal enviou ontem por engano aos veículos de comunicação e-mails sobre o agendamento de um treinamento para um grupo de 16 superintendentes e delegados do órgão em São Paulo, mais especificamente da cidade de Limeira.

Edna Simão / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

05 Novembro 2010 | 00h00

Na troca de mensagens, o episódio da violação dos dados fiscais do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, chega a ser mencionado.

"Gostaríamos de convidar os srs. superintendentes/delegados que não puderam acompanhá-lo a participar do treinamento pelos desdobramentos do caso Eduardo Jorge", diz Vitor Casimiro, funcionário da Comunicação.

Segundo os diálogos, o objetivo do treinamento é simular quatro situações de riscos à imagem do órgão: "Temas como carga tributária, sonegação, vazamento de dados e queixas no atendimento." A ideia inicial era fazer o evento entre 10 e 12 de novembro, mas foi adiado para dezembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.