Uma espada samurai e um rifle para livrar um cão

Paul Lovie, de 47 anos, armou-se de uma espada samurai e de um rifle de ar comprimido para livrar seu cão do abrigo de cães. Hoje, foi sentenciado a 15 meses de cadeia.Lovie ficou arrasado quando os veterinários lhe disseram que seu cão Jack Russel precisava ser sacrificado. Ele não tinha dinheiro suficiente para pagar essa conta. Depois de terem-no ouvido dizer que ?faria isso ele mesmo com uma picareta?, funcionários da RSPCA confiscaram o animal. ?Ele decidiu tomar o assunto em suas mãos e eliminar o cão?, disse a promotora Dianne Campbell ao júri.Lovie irrompeu no abrigo de cães mantido pela Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals, em York, norte da Inglaterra, em março, para encontrar seu cachorro.Uma vez dentro do abrigo, Lovie, que tinha fluido de isqueiro e um martelo em seu poder, chamou a polícia e ameaçou os funcionários. Os policiais chegaram e, depois de 90 minutos de negociações, conseguiram que desistisse de cometer uma bobagem.Hoje, no tribunal, Lovie admitiu ser culpado de possuir arma de fogo com intenção de causar medo ou violência, possuindo arma ofensiva e intenção criminosa.O juiz Paul Hoffman disse que Lovie tinha sorte de estar vivo.?Há incidentes demais com pessoas portando armas e depois reclamando quando a polícia atira?, afirmou.Catherine Silverton, advogado de Lovie, lembrou que seu cliente não tinha antecedentes criminais e a ação se dera quando ele estava completamente fora de si.?Ele era extremamente dependente emocionalmente dessa cão e estava arrasado?, justificou. Mas não conseguiu livrá-lo da condenação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.