AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Vândalos invadem e destroem ônibus em Campinas

Pelo menos 14 pessoas encapuzadas invadiram um ônibus da linha 231, no bairro Jardim Satélite Íris, em Campinas, por volta das 23 horas de sexta-feira, 05, e exigiram que todos descessem. Em seguida, quebraram os vidros e atearam fogo no veículo. Segundo a Empresa de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), que engloba a Secretaria Municipal de Transportes, ninguém ficou ferido. Neste sábado, 06, o transporte urbano no bairro foi suspenso e os moradores ficaram sem ônibus. De acordo com a Emdec, motoristas e cobradores da empresa Campbus, que opera no bairro, se recusaram a trabalhar na linha 231 com medo da violência. A circulação permanecia suspensa no final da tarde e não havia estimativa de quando seria retomada. Cerca de mil passageiros utilizam ônibus no bairro em dias úteis, conforme a Emdec. A empresa informou que, no momento do ataque, estavam no veículo o motorista e o cobrador e não tinha confirmação se havia também passageiros. A Emdec tratou o episódio como vandalismo e negou que tenha relação com as recentes mudanças de linhas e percursos, que vêm sendo alterados desde mês passado, e com a implantação do bilhete único, na semana passada. De acordo com a assessoria de imprensa, agentes da Emdec estiveram no bairro neste sábado e conversaram com integrantes da associação dos moradores. Eles teriam garantido que o incêndio não está relacionado a nenhuma manifestação ou protesto. Ainda segundo a Emdec, as alterações beneficiaram o Jardim Satélite Íris com intervalos menores de espera para os passageiros, de 90 para 20 minutos. A empresa acrescentou que irá solicitar à Guarda Municipal monitoramento da linha nas viagens noturnas, para garantir a segurança dos usuários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.