Vazamento em refinaria deixa três feridos na BA

Explosão de tubulação de caldeira em empresa contratada pela Petrobras deixou três operários feridos

Tiago Décimo, da Agência Estado,

13 de março de 2010 | 12h27

Três operários da Mip Engenharia, empresa contratada pela Petrobras para a instalação de duas caldeiras na unidade 83 da Refinaria Landulpho Alves, em São Francisco do Conde (BA), região metropolitana de Salvador, ficaram feridos nesta sexta-feira, 12, depois que a tubulação de uma das caldeiras explodiu, deixando vazar os vapores d''água armazenados em alta temperatura e pressão. Um dos trabalhadores, que não teve a identidade revelada, está internado em estado grave no Hospital de Medicina Humana, no município vizinho de Candeias.

De acordo com o Sindicato de Petroleiros e Químicos da Bahia, a vítima teve mais de 70% do corpo queimado e foi submetido a uma cirurgia durante a noite. Os outros dois feridos também estão internados, com queimaduras em até 20% do corpo. Em nota, a refinaria informou que uma comissão investiga as causas do acidente.

Tudo o que sabemos sobre:
acidenterefinariavazamentoBA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.