Vedoin vai à PF explicar esquema dos sanguessugas

O empresário Luiz Antonio Vedoin, dono da Planam, empresa envolvida na máfia dos Sanguessugas, chegou na manhã desta quarta-feira, 27, à superintendência da Polícia Federal de Cuiabá, para depor nos inquéritos sobre o esquema de compra superfaturada de ambulâncias com dinheiro público.Até sábado, Vedoin ficará à disposição da PF para detalhar a participação de parlamentares em 24 dos 115 inquéritos abertos pelo Supremo Tribunal Federal, relativos a máfia dos Sanguessugas.Entre os parlamentares, estão o senador Ney Suassuna, suspeito de envolvimento no esquema.Na terça, Vedoin foi à Superintendência para se apresentar ao delegado e combinar com ele os depoimentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.