Velha Guarda da Portela entra dividida na avenida

A velha guarda da Portela vai entrar na avenida dividida. Os mais velhos e o grupo que faz shows vão no carro abre-alas junto com Paulinho da Viola e Zeca Pagodinho, que ainda não chegou. A velha guarda tradicional vem logo atrás do primeiro carro. "É melhor que seja assim, pois tem os mais velhinhos, para quem a Sapucaí ficou grande demais", disse Dinéia Portela, que faz parte da ala show. Portela vem animada, mas começa a cair uma garoa e a escola deve desfilar já com dia claro. A Portela não se prendeu só ao seu tradicional azul e branco. Para apresentar o enredo "Brasil marca a tua cara e mostra para o mundo" usou todas as cores do arco-íris nas alas e carros alegóricos. Mas, como disse Paulinho da Viola, "o importante é que a escola venha cantando e animada. E isso a Portela tem". A comunidade de Madureira já está cantando o samba, antes mesmo de a escola entrar na avenida. Quincy Jones vai sair junto com a bateria da Portela, só não sabe e se ficará o tempo todo no desfile. "O que acontecer pra mim está bom", comentou. Ele perguntou quanto dempo durava o desfile e achou que 40 minuto "é pouco".

Agencia Estado,

28 Fevereiro 2006 | 05h44

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2006

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.