Centro de Operações Rio
Centro de Operações Rio

Ventania no Rio causa estragos e interdita Ponte Rio-Niterói

Cidade enfrentou problemas com transporte, queda de árvores e falta de luz

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2021 | 22h09

RIO - Ventos de até 77,8 km/h causaram estragos e problemas no Rio de Janeiro na tarde desta terça-feira, 21. Houve problemas no transporte, queda de árvores e falta de luz na cidade, que entrou em estágio de mobilização – o segundo nível em uma escala de cinco, que indica risco de ocorrências de grande impacto à cidade – às 15h20. Essa situação permanecia às 20h30.

A ventania atingiu todas as regiões da cidade – a maior velocidade do vento, de 77,8 km/h, foi registrada no Forte de Copacabana, na zona sul. Por conta do vento, a Ponte Rio-Niterói ficou interditada ao trânsito de veículos durante 20 minutos, entre 14h40 e 15h.

A circulação dos trens da Supervia foi interrompida por volta das 15h nos ramais Japeri, Santa Cruz, Belford Roxo e Saracuruna e nas extensões Paracambi, Vila Inhomirim e Guapimirim, e só começou a ser retomada às 17h20.

Pelo menos 51 árvores caíram, causando estragos – algumas caíram sobre carros, sem ferir motoristas – e queda de energia em vários bairros. Às 19h45, 23 árvores ainda estavam sendo retiradas pela prefeitura. Foram registradas pelo menos 12 interrupções do fornecimento de eletricidade na cidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.