Vereador de cidade mineira é preso em flagrante por tráfico de drogas

Reginaldo Ross Alves (PDT) estava com 400 gramas de cocaína pura em um veículo com um comerciante e um frentista

Marcelo Portela, Correspondente

29 Março 2014 | 20h16

BELO HORIZONTE - Um vereador do leste de Minas foi preso em flagrante com mais duas pessoas acusado de tráfico de drogas. Reginaldo Ross Alves, de 39 anos, conhecido como Régis, é vereador pelo PDT em Central de Minas, na região leste do Estado, e foi flagrado com 400 gramas de cocaína pura em Conselheiro Pena, na mesma região, com o comerciante Júlio César de Oliveira, de 48, e o frentista Genésio Tadeu da Silva, de 32.

A Polícia Militar afirmou que já havia recebido denúncia de que haveria tráfico de drogas em um posto de combustíveis do município e monitorava o local. Nesta sexta-feira, 28, policiais resolveram abordar os ocupantes de um Corolla depois de o veículo parar ao lado de uma bomba e não abastecer. O trio foi levado para uma delegacia de Governador Valadares, onde a Polícia Civil constatou que o vereador já tinha prontuário por receptação. Os três foram autuados em flagrante por tráfico.

Mais conteúdo sobre:
Tráfico de drogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.