Vereador é morto a tiros no interior de SP

Dois vereadores da cidade de Franco da Rocha foram baleados às 19h30 de hoje, em Jundiaí (SP). Eles tinham saído da cidade para jantar com dois assessores jurídicos. Os vereadores foram cercados em um semáforo. Um deles, Júlio Calegari (PFL), foi morto com vários tiros. O presidente da Câmara, Carlos Aparecido da Silva, foi internado em estado grave. Os vereadores fazem parte de uma comissão que investiga irregularidades da atual administração, do prefeito Roberto Seixas (PTB). Eles vinham reivindicando a cassação do chefe do Executivo.A Polícia Militar e a Polícia Civil chegaram rapidamente, mas não tinham informações do paradeiro dos assassinos. Duas viaturas de Resgate do Corpo de Bombeiros de Jundiaí foram acionadas para socorrer os vereadores, mas Calegari já estava morto.O delegado da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), José Antônio dos Santos, pediu apoio da polícia de Franco da Rocha, na tentativa de identificar os responsáveis pelo crime. Ele pediu bloqueios nas saídas das duas cidades. Os assessores jurídicos que acompanhavam os vereadores, Gilberto de Almeida Bácero e José Vitório Bássaro, nada sofreram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.