Vereador morre praticando pesca submarina em Alagoas

O corpo do vereador Kayan Malta Porto (PL), 30 anos, presidente da Câmara de Municipal da Barra de São Miguel, foi encontrado no início da madrugada desta quinta, 20, em alto mar, numa área propícia ao mergulho conhecida como Dragão, no litoral Sul de Alagoas. Ele havia desaparecido no final da tarde de quarta-feira, quando mergulhava com amigos, a 16 quilômetros da costa, entre a Barra de São Miguel e a Praia do Francês, na região metropolitana de Maceió. Além de ser considerado um dos melhores mergulhadores do Estado, Kayan também era surfista profissional. O corpo dele foi resgatado por amigos mergulhadores e deu entrada no Instituto Médico Legal (IML) Estácio de Lima por volta das 3 horas, sendo liberado para sepultamento às 5 horas. Exame confirmou a morte por afogamento. Segundo a família, o enterro acontece às 15 horas, no Cemitério Parque das Flores, onde o corpo esta sendo velado. "Ele tinha atirado em um peixe, e subiu à tona para tomar fôlego e voltar às pedras (arrecifes) para resgatá-lo, mas não voltou", contou um dos amigos que estava praticando a pesca submarina com Kayan. O vereador foi para o alto mar com os amigos em dois barcos. Como ele estava pescando sem equipamento de oxigênio, acredita-se que ele pode ter desmaiado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.