Vereador paranaense é morto a machadada

O vereador Nestor Horodenski, do município de Pitanga, no Paraná, foi assassinado com um golpe de machado na cabeça, neste domingo. Segundo as informações da Polícia Militar, bandidos teriam entrado na casa do vereador por volta das 18 horas. Marli Ribas Oliveira, mulher da vítima, sofreu uma facada no pescoço. Os dois foram levados para um hospital, mas o político não resistiu ao ferimento. Marli não corre risco de morrer. Ainda de acordo com a PM de Pitanga, a mulher está muito abalada e não sabe informar detalhes do ocorrido. A polícia não tem pistas dos criminosos.Segundo o site da Gazeta do Povo, o corpo de Horodenski está sendo velado na Câmara Municipal da cidade, na região Central do estado. O horário do enterro ainda não foi definido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.