Neco Varella/AE
Neco Varella/AE

Verissimo apresenta sinais favoráveis, mas estado de saúde ainda é grave

Sedação do escritor vem sendo reduzida e o quadro infeccioso está sob controle, informa boletim médico

Agência Estado,

24 Novembro 2012 | 12h41

SÃO PAULO - Luis Fernando Verissimo, escritor e colunista do jornal O Estado de S.Paulo, apresentou sinais clínicos favoráveis e progressos ao tratamento, conforme boletim médico divulgado neste sábado, 24. Com isso, a sedação vem sendo reduzida e o quadro infeccioso dele está sob controle.

O cronista gaúcho, de 76 anos, continua sob uso de ventilação mecânica e hemodiálise e seu estado de saúde ainda é considerado grave, segundo comunicado assinado pelos médicos Dr. Alberto Augusto Rosa, Dr. Sandro Cadaval e Dr. Eubrando Silvestre Oliveira, do Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre (RS), onde o escritor está internado.Durante este sábado, alguns resultados de exames devem ser conhecidos pela equipe médica, que ainda investiga a origem da infecção

Verrissimo começou a sentir-se mal após voltar de uma viagem por Araxá (MG) e Rio de Janeiro. De acordo com informações da equipe médica, Verissimo entrou no hospital na última quarta-feira, 21, apresentando fadiga, dores musculares e febre, o mesmo que seus companheiros de viagem, como sua mulher, Lúcia, e o escritor Zuenir Ventura. Entretanto, ao invés de apresentar melhoras, como os demais, o escritor gaúcho piorou. Médicos acreditam que pelo fato de ser diabético e hipertenso, seu quadro tenha se agravado, exigindo internação imediata./COLABOROU LUCAS AZEVEDO, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.