Vigilante é preso com esmeraldas

O vigilante noturno Celso Adão Camargo foi preso no sábado, em Jundiaí (SP), acusado de receptação de material roubado. Ele estava com outro homem, conhecido como Luquinha, que teria roubado esmeraldas, avaliadas em R$ 150 mil, em Campinas. Segundo o delegado Orlando Raul Pavan, Camargo disse em depoimento que Luquinha roubou a casa de Karen Marcello, levou as pedras e um carro. Luquinha fugiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.