Vilma já divide cela com outras 5 presas

Desde as 12h30 desta terça-feira, Vilma Martins está presa na Casa de Prisão Provisória de Goiás (CPP). Ela divide uma cela de 6 metros quadrados com outras cinco presas na ala feminina, que fica no bloco 3. A diretoria do presídio descartou a hipótese de Vilma ficar isolada. Isso só deve ocorrer durante os banhos de sol.As colegas receberam Vilma sem hostilidade, segundo o presidente da Agência Prisional de Goiás, Rodrigo Gabriel. "Ela foi aceita pelas outras presas", disse. No bloco 3, ela tem contato com outras 63 presas, que dividem dez celas.Nos primeiros dias, a acusada de seqüestrar dois bebês deve tomar banho de sol em horário diferente das demais detentas. "Nossa precaução é resguardar a integridade física dela", afirmou Gabriel. "Ela será levada ao convívio com as outras presas aos poucos."Vilma chegou à cadeia algemada e chorando. De manhã, ela teve alta do hospital, depois de passar a noite na UTI, em crise hipertensiva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.