Violência deixa dois mortos em São Paulo

Duas pessoas foram assassinadas na noite de sábado na zona sul da capital paulista. Uma delas, uma comerciante, teria sido vítima de assalto. A outra, um motorista, foi baleado durante uma discussão no trânsito. Eram 20h quando vários tiros foram ouvidos por vizinhos de uma loja de móveis no Parque Novo Santo Amaro. A polícia foi acionada e encontrou, ferida a tiros, na cabeça e no peito, a comerciante Madalena Pinto da Silva, de 55 anos, que mora nos fundos da loja. A comerciante ainda foi encaminhada ao pronto-socorro do Campo Limpo, onde morreu. Testemunhas disseram que viram dois homens saindo da loja logo após os disparos e que Madalena não tinha inimigos. Apesar de nada ter sido levado do estabelecimento comercial, a polícia acredita que Madalena foi vítima de uma ladrões. Morte no Trânsito Uma briga de trânsito terminou em morte às 22h30 de sábado no Jardim São Luís, também na zona sul. Cleônio da Silva Santos, de 28 anos, dirigia seu carro quando começou a discutir com outro motorista. Segundo a polícia, o condutor do Santana estava armado a atirou quatro vezes contra o peito de Cleônio, que morreu quando era atendido no pronto-socorro do Campo Limpo. O assassino segue foragido.

Agencia Estado,

18 Fevereiro 2007 | 10h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.