Violência marca véspera e noite de Natal no Rio

A noite da véspera de Natal e a madrugada desta segunda-feira foram violentas no Rio, em especial na zona norte. Na região e no centro, quatro pessoas foram mortas a tiros e dois corpos foram encontrados dentro de porta-malas de automóveis. Na Avenida Brasil, um menino de dez anos, que passava de carro com a família, foi atingido no braço por uma bala perdida. A criança passa bem.Por volta das 20h30 do dia 24, o cadáver de um homem foi encontrado pela polícia numa esquina do bairro de Rocha Miranda. Os assassinos não deixaram pistas. Em Madureira, mais um homicídio: o corpo de um rapaz foi localizado ao lado de um carro abandonado. No Estácio, um outro homem, Márcio Ribeiro de Andrela, de 29 anos, foi morto e deixado na rua. Ele dirigia uma moto e foi baleado no rosto e no peito. O corpo foi localizado pouco depois pela PM. Rogério Capetini, de 46 anos, motorista de Kombi, foi assassinado quando estacionava o veículo com o qual trabalhava na Avenida Presidente Vargas, no centro. Uma testemunha relatou que o criminoso disparou contra ele e fugiu num táxi em seguida. Na madrugada desta segunda-feira, dois homens foram encontrados mortos em Vila Isabel, no porta-malas de dois carros: um era Marcelo Oliveira da Silva, de 22 anos; o outro não foi identificado. Eles podem ter sido vítimas de traficantes de drogas.O menino Germano das Mercês Pereira, de 10 anos, baleado no braço, foi levado para o Hospital Getúlio Vargas e se recupera em casa. Ele foi alvejado por bandidos que tentaram roubar o carro de seu pai, usando outro automóvel roubado. O bando - seriam quatro criminosos - interceptou o veículo na Avenida Brasil, na altura de Parada de Lucas. De manhã, no bairro do Irajá, populares se depararam com o corpo de uma jovem no meio da rua. Ela aparentava 18 anos e tinha uma marca de tiro na cabeça.

Agencia Estado,

25 de dezembro de 2006 | 16h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.