Vítima de seqüestro é libertada em Campinas

Seqüestradores libertaram ontem à noite, em Campinas, a filha do proprietário de uma empresa de laticínios. Ela foi deixada no trevo das Rodovias Bandeirantes e Santos Dumont. A família, que mora em Amparo, pagou o resgate, de valor não divulgado. A vítima permaneceu seis dias em cativeiro. Ela foi seqüestrada quando ia para o trabalho. A polícia encontrou seu carro no mesmo dia, com duas marcas de tiros. A Delegacia Anti-Seqüestros informou hoje que ainda não tem informações sobre os seqüestradores, nem o local onde a refém foi mantida. Ela deverá ser ouvida amanhã pela polícia. Esse seqüestro foi o décimo registrado neste ano, na região de Campinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.