Vítima de seqüestro relâmpago é libertada numa favela em SP

Um homem de 50 anos, vítima de seqüestro relâmpago, foi libertado por policiais militares na noite de terça, na favela do Jaguaré, zona oeste da cidade de São Paulo.Ele estava em um Honda Civic de cor prata, trafegando pela Av. Jaguaré, quando foi abordado pelos criminosos. O carro foi levado para a favela. Ao chegar, os policiais avistaram um dos criminosos ainda no veículo, que foi preso sem reagir e indicou o local onde seu cúmplice mantinha a vítima sob mira de revólver, até que seus cartões bancários fossem utilizados por um terceiro integrante do bando, que conseguiu fugir. A vítima e seu vigia estavam numa rua próxima, na entrada da favela. Cercado, o criminoso também se entregou. O seqüestrado foi libertado sem ferimentos e a dupla foi autuada em flagrante na delegacia do bairro.

Agencia Estado,

04 de outubro de 2006 | 01h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.