Vítimas de acidente na Castelo são atendidas em hospitais da região

Entre as vítimas dos três grandes acidentes ocorridos nesta madrugada na Rodovia Castelo Branco, oito pessoas foram atendidas no Hospital Regional de Sorocaba onde uma delas, a menina Daiane Cristina Godoi Nicolini, de 11 anos, morreu. A mãe, Roseli Aparecida Godoi Nicolini, continua internada, com fraturas, mas sem risco de vida. As outras pessoas atendidas nesse hospital foram: Ricardo Martins de Gouveia, que foi liberado; Clarides Martins, Celi Aparecida Perpetuo, Sérgio Garcia, Elivaldo dos Santos e Sidney Mário Lima Vargas, que não correm risco de vida.O Hospital Regional de Sorocaba tem 400 leitos e o seu pronto-socorro é referência na região para casos de emergência e cirurgias de alta complexidade.Na Santa Casa de Tatuí apenas uma pessoa foi atendida, mas já foi dispensada. Na Santa Casa de Itu foram atendidos o policial militar Roberto Silva, de 44 anos, que fraturou o fêmur esquerdo, e o motorista de ambulância Aparecido Duenios, de 48 anos. O quadro de saúde dos dois é estável e eles continuam em observação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.