Voo que partiu do Rio tem que retornar ao aeroporto

Bernardinho, técnico da seleção de vôlei, estava entre os passegeiros; testemunhas afirmam que viram vazamento

16 Agosto 2012 | 11h19

RIO DE JANEIRO - Um voo da companhia aérea WebJet, que partiu no início da manhã desta quinta-feira, 16, do Aeroporto Santos Dummont, no Rio de Janeiro com destino ao Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, precisou retornar após um problema no medidor de combustível da aeronave.

Após vinte minutos da decolagem, por volta das 6h50, o comandante anunciou o problema e o avião voltou ao aeroporto do Rio. Um forte odor de combustível foi sentido no momento da decolagem e alguns passageiros relataram ter visto um vazamento ao deixar a aeronave.

Entre os passageiros do voo estava o técnico da seleção brasileira de vôlei, Bernardinho. O avião estava lotado e os passageiros foram realocados em outros voos ainda na manhã desta quinta-feira. De acordo com a companhia, a aeronave passou pelos procedimentos normais de abastecimento, mas "o avião voltou ao aeroporto de origem para que as equipes técnicas verificassem o equipamento."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.