Henrique Mello / Foto do Leitor
Henrique Mello / Foto do Leitor

Voos do Brasil para os EUA são cancelados por causa de nevasca

Companhias informam que passageiros podem remarcar data da passagem sem custo; não há previsão para serviço ser normalizado

Mônica Reolom, O Estado de S. Paulo

26 Janeiro 2015 | 18h28

SÃO PAULO - Passageiros brasileiros com destino à Costa Leste dos Estados Unidos estão sendo afetados pela nevasca que atinge a região. As companhias aéreas que saem do Brasil com destino a Nova York cancelaram a maioria dos voos e pedem aos clientes que entrem nos sites para remarcar voos. Os aeroportos prejudicados são o de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, e o do Galeão, no Rio.

Não há previsão para que o serviço seja normalizado.

A American Airlines cancelou os dois voos desta segunda-feira, 26, para o Aeroporto John F. Kennedy, principal aeroporto internacional de Nova York. Os passageiros foram contatados pela companhia para reacomodação. A Delta Airlines, que tem apenas um voo diário entre o Cumbica e o JFK, cancelou o trecho de ida e o de volta. A empresa aconselha aos passageiros entrarem no site para acompanhar o status do voo e, se quiserem, remarcá-lo para outra data, sem custo.

A TAM teve nove voos impactados pela nevasca, sendo sete cancelados, um antecipado e outro que estava previsto para sair de Nova York a Cumbica às 22h50 desta segunda-feira. Há possibilidade de remarcação da data da viagem para os próximos 20 dias, sem custo.

A Gol viaja para Miami e para Orlando e, por isso, não foi afetada. A companhia informou que quem tiver problemas de conexão para destinos na Costa Leste será reacomodado.

Já a Copa Airlines explicou que suas operações não haviam sido afetadas até as 18 horas desta segunda-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.