Waldir Pires busca apoio de Rigotto para Lula

O ministro da Defesa, Waldir Pires, procurou nesta quinta-feira o governador do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto (PMDB), em busca de apoio para a campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Eu vim cumprimentar o governador, que é um velho companheiro, apesar da juventude", brincou o ministro após audiência no Palácio Piratini, no final da manhã, justificando que em viagens anteriores ao Estado ainda não ocupava o cargo na Defesa. O governador confirmou a proximidade entre os dois. "Eu tive oportunidade de ser defensor da candidatura do ministro Waldir Pires à Presidência da República", recordou o governador, sobre o ex-correligionário.Questionado se as questões políticas entraram na pauta da reunião, Pires disse ter "um apreço muito grande por Rigotto" e que "ficaria contentíssimo de ter o governador conosco". No entanto, o ministro disse respeitar a posição do governador, que já declarou sua neutralidade em relação às eleições nacionais e estaduais. Ao responder se saía otimista do encontro com uma possibilidade de mudança de opinião de Rigotto, Pires ponderou que deixou "uma palavra de esperança de que possamos ter um pouco o sentimento e a tendência da velha luta da construção de um país que possa ser de todos os brasileiros".Depois de uma solenidade com prefeitos, Rigotto confirmou que manterá a posição neutra na campanha. "Minha posição vocês já conhecem", reforçou. "É cuidar do governo", acrescentou. Apesar da ampla preferência das bancadas federal e estadual do PMDB gaúcho pelo apoio aos candidatos tucanos nas campanhas estadual e nacional, o partido marcou um congresso extraordinário para a próxima segunda-feira, dia 9, para decidir sua posição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.