Zelito Viana é feito refém durante assalto a sua casa no Rio

O cineasta e a mulher foram rendidos e tiveram as mãos e os pés amarrados

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

18 de julho de 2014 | 23h58

RIO - O cineasta Zelito Viana e sua mulher, a produtora Vera de Paula, foram rendidos e tiveram as mãos e os pés amarrados durante um assalto à casa deles no Cosme Velho, na zona sul do Rio, na tarde desta sexta-feira, 18.

Em depoimento à Polícia Civil, Zelito, que é irmão do humorista Chico Anysio (1931-2012), contou que dois homens invadiram sua casa pela cozinha. Armados com um revólver e um facão, eles renderam primeiro a empregada e depois os donos da casa. Todos foram amordaçados, tiveram mãos e pés amarrados e foram trancados em um quarto da casa. Em seguida a dupla recolheu joias, perfumes, roupas, celulares e dinheiro. 

A ação criminosa durou cerca de uma hora. Os bandidos fugiram, e só depois a empregada, cujo telefone não foi roubado, conseguiu acionar a polícia.

O caso é investigado pela 9ª DP (Catete).

Tudo o que sabemos sobre:
RioassaltoZelito Viana

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.