Acidente entre ônibus e carro deixa 15 feridos no Rio

Veículo passava pela linha férrea e ao tentar recuar, colide com um microônibus e um carro

Talita Figueiredo, de O Estado de S. Paulo,

01 de março de 2008 | 12h33

Um acidente entre um trem, dois ônibus e um carro deixou 15 pessoas feridas no fim da noite de sexta-feira, 29, em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense. O acidente ocorreu depois que um ônibus da Viação Mirante, que trafegava pela Estrada do Ambaí, no bairro Miguel Couto, começou a atravessar a linha férrea, no ponto em que cruza a via pública.   Ao perceber que uma composição da MRS Logística se aproximava e estava prestes a atingi-lo, o motorista do ônibus tentou dar marcha-à-ré, mas o veículo bateu num microônibus, que vinha atrás e se chocou com um Monza, próximo na fila. Em seguida, a composição ferroviária chocou-se com a lateral do ônibus que não conseguira recuar totalmente dos trilhos.   Não houve vítimas entre os passageiros do microônibus, do Monza e do trem cargueiro, que saíra do Caju, zona portuária do Rio, para Barra do Piraí (sul fluminense). Os feridos que estavam no ônibus atingidos pelo trem foram levados para dois hospitais da região.   Os irmãos Jefferson da Cunha Silva, de 17 anos, e os gêmeos Vinícius e Vítor da Cunha Silva, de 15, foram levados por uma ambulância do Corpo de Bombeiros para o Hospital de Saracuruna, no município vizinho Duque de Caxias. Eles sofreram fraturas nas pernas e um deles, cujo nome não foi divulgado, perdeu um dedo. Outras 12 vítimas foram levadas para o Hospital da Posse. Todos foram liberados até o início da manhã.   Na manhã deste sábado, outros dois acidentes foram registrados em razão das chuvas que atingem o Rio desde a madrugada. Na capital, dois ônibus bateram na avenida Brasil, altura de Bonsucesso e 13 pessoas ficaram levemente feridas. Em São Gonçalo, região metropolitana, um caminhão caiu numa ribanceira depois de o motorista, Antônio Carlos Nascimento, de 38 anos, perder a direção. Ele sofreu uma fratura na perna e foi socorrido pelos bombeiros.

Tudo o que sabemos sobre:
trem,Rio, acidente de trem

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.