Reprodução
Reprodução

Alerta de chuva no Rio vira piada nas redes sociais

Internautas criaram eventos no Facebook ironizando a situação; não havia registros de alagamentos ou deslizamentos até as 18h50

O Estado de S. Paulo

05 de fevereiro de 2015 | 18h49

Um alerta do prefeito Eduardo Paes (PMDB) de que havia probabilidade de fortes chuvas atingirem o Rio na tarde desta quinta-feira deixou a população apreensiva. Apesar de pancadas fortes em algumas regiões da capital fluminense, não havia registros de alagamentos e deslizamentos até as 18h50. A previsão de megatempestade que não se confirmou foi motivo de piada nas redes sociais. 

Internautas criaram um evento no Facebook chamado "Ciclone in Rio", ironizando a situação. Outro evento, "Chuva no Rio #VemGente", tinha 178 confirmados até o início da noite desta quinta. Nas redes, também foi criada uma "reunião para procurar a chuva no Rio que não caiu". A página questiona Paes: "Cadê o temporal PREFEITO???". Uma das postagens faz referência à crise hídrica: "Governador Pezão acaba de informar que o temporal que cairia hoje foi cancelado! Motivo: falta d'água".


Os ventos atingiram a velocidade de 53,6 km/h na Restinga da Marambaia, às 18 horas. Em Sepetiba, choveu 9,2 mm em 15 minutos - pelos parâmetros do Alerta Rio, a chuva é considerada forte quando atinge entre 6 e 15 mm em 15 minutos.  Também choveu nos bairros do Recreio dos Bandeirantes, Guaratiba, Santa Cruz e Grota Funda.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de JaneiroEduardo Paes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.