MARCOS VIDAL/FUTURA PRESS
MARCOS VIDAL/FUTURA PRESS

Apenas 17% da frota de ônibus está em circulação no Rio

BRT também opera com 17% da frota; número de veículos em circulação vem sendo reduzido com a queda nos estoques de combustíveis devido a greve dos caminhoneiros

Fernanda Nunes, Estadão Conteúdo

27 Maio 2018 | 13h19

Na cidade do Rio de Janeiro, a frota de ônibus em circulação é de 17%, segundo a Rio Ônibus, que representa as empresas de transporte. O número de veículos nas ruas neste domingo, 27, está sendo reduzido à medida que diminuem os estoques de combustíveis.

Até o fim da semana passada, já durante a greve dos caminhoneiros, as empresas alertaram para a dificuldade de manter o serviço. “As empresas consorciadas estão empenhando todos os esforços para que a população não seja prejudicada, chegando até a abastecer os coletivos em postos de gasolina comuns, em muitos casos, mesmo com o preço do óleo diesel superior ao habitual”, informou em nota a entidade.

AO VIVO: Acompanhe em tempo real a greve dos caminhoneiros

Também o sistema de circulação expressa de ônibus, o BRT Rio, opera com 17% da sua frota neste domingo. Serão colocados 56 veículos nas ruas. Desde as 4h, funcionam os serviços 10, 12, 21A, 35, 50 e 51. Os serviços do eixo da avenida Cesário de Melo e do trecho entre Madureira e Galeão permanecem interrompidos. Nos três corredores de circulação dos ônibus – Transoeste, Transcarioca e Transolímpica –, na região Oeste da cidade do Rio, os intervalos entre os veículos são de 10 a 15 minutos

Entenda a greve dos caminhoneiros

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.