Núcleo Regional do Rio de Janeiro/Ministério da Saúde
Núcleo Regional do Rio de Janeiro/Ministério da Saúde

Após desabamento, Hospital dos Servidores do RJ tem área interditada

Apesar da interdição, atendimento na unidade está normal; não houve feridos

Marcio Dolzan, O Estado de S. Paulo

24 Agosto 2017 | 16h54

Uma estrutura do teto do necrotério do Hospital Federal dos Servidores do Estado (HFSE-RJ), localizado na Gamboa, região central do Rio, desabou por volta das 23h dessa quarta-feira, 23. O prédio fica na parte externa do hospital e foi interditado. Segundo informações de funcionários, um servidor precisou ser retirado pela janela. Ninguém ficou ferido.

A Defesa Civil do Rio assinalou que houve “um desabamento parcial de laje” e, em função disso, interditou o local até que sejam realizadas obras de reparo na estrutura do imóvel. Ainda de acordo com o órgão, no local funcionam a câmara mortuária, o núcleo de acolhimento e a hemoterapia.

Em nota, o Núcleo Regional do Rio de Janeiro (Nerj) do Ministério da Saúde informou que “houve uma avaria no forro da varanda” do necrotério. O núcleo declarou ainda que, apesar da interdição no prédio, o atendimento na unidade está normal, com a realização de todas as consultas ambulatoriais, exames e cirurgias programadas.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.